14/12/2017

Cofen participa 17º Congresso Panamericano de Trauma

Congressistas discutiram caminhos para maior empoderamento da Enfermagem nos atendimentos de Trauma/Urgência Emergência

“Neste contexto de regulamentação das práticas avançadas e especialidades no Brasil, os encaminhamentos resultantes do Congresso também fortalecem nossa luta”, avalia conselheiro Luciano Silva

Os conselheiros federais Luciano da Silva e Vencelau Pantoja, juntamente com o integrante da Comissão Nacional de Urgência e Emergência do Cofen Sérgio Martuchi, representaram o Conselho Federal de Enfermagem no 17º Congresso Panamericano de Trauma, realizado na cidade do México, de 27/11 a 02/12.

O evento discutiu temas como o manejo clínico de atendimentos ao trauma, práticas avançadas de Enfermagem em atendimento pré-hospitalar (APH) e urgência/emergência, panorama da situação na América Latina e EUA, e aprovou encaminhamentos apresentados pela delegação do Brasil e de outros países latino-americanos em favor da construção de caminhos para um maior empoderamento da Enfermagem nos atendimentos de Trauma/Urgência Emergência.

Enfermeiros brasileiros e de outras nações latino-americanas

“Este evento foi muito importante, pois pudemos ter contato com o que há de mais atual no manejo do atendimento ao trauma, verificar as práticas de enfermagem em APH, urgência e emergência nos países da América Latina e EUA. Neste contexto de regulamentação das práticas avançadas e especialidades no Brasil, os encaminhamentos resultantes do Congresso também fortalecem nossa luta”, avalia o conselheiro federal Luciano Silva.

Brasileiros premiados – Durante o Congresso, vários trabalhos de enfermeiros brasileiros selecionados pela comissão científica foram apresentados. “Qualidade no cuidar: um retrospecto da linha de cuidado em trauma (LCT) em um hospital público”, da enfermeira Tatiana do Nascimento foi terceiro lugar na categoria geral. Na categoria estudante,  Daniela Silva recebeu o prêmio por seu trabalho “Distribuição temporal das mortes de vítimas de traumas e fatores associados”.

Fonte: Ascom - Cofen