12/02/2020

Coren-RJ publica nota sobre incidente em hospital de Nova Iguaçu/RJ

O Coren-RJ irá apurar os fatos do médico que agrediu verbalmente a técnica de Enfermagem

NOTA OFICIAL

Sobre o incidente no Hospital N. S. de Fátima, em Nova Iguaçu, onde um paciente, o médico José Gilberto Luna Sobrinho, agride a técnica de enfermagem com palavras de baixo calão e ameaças, o Conselho Regional de Enfermagem do Rio de Janeiro informa que a preocupação, no primeiro momento, foi de apurar os fatos e acolher a agredida, assegurando que serão tomadas providencias jurídicas em seu apoio.

Desde ontem, a conselheira Rogéria Nascimento vem acompanhando o caso. Hoje à tarde, uma delegação do Coren-RJ irá ao Hospital N. S. de Fátima, em Nova Iguaçu, para apoiar a enfermeira responsável técnica e equipe de enfermagem.

Também será feito um Ato de Desagravo Público à técnica de enfermagem humilhada, em repúdio à atitude do agressor.

O Coren-RJ cobrará uma posição do Cremerj em relação à atitude do médico Gilberto Luna, que fere a ética da conduta profissional, uma vez que impõe seu título de médico para exigir privilégios e fazer ameaças usando desta condição como prerrogativa.

Fonte: Coren-RJ