- Cofen – Conselho Federal de Enfermagem - http://www.cofen.gov.br -

Oficina aborda Estruturação de consultório de Enfermagem durante 24º CBCENF

[1]

Curso foi mediado pelas integrantes da Comissão Nacional de Inovação e Empreendedorismo (CNIE/Cofen)

Dando início a programação do 24º Congresso Brasileiro dos Conselhos de Enfermagem (CBCENF), o curso “Como montar seu consultório de Enfermagem” foi realizado neste primeiro dia de congresso.  O funcionamento de consultórios e clínicas de Enfermagem é regulamentado por meio da Resolução Cofen 568/2018 [2], e abre espaço para que os profissionais possam realizar consultas e fomentar o empreendedorismo em suas áreas de atuação.

O momento foi facilitado pelas integrantes da Comissão Nacional de Inovação e Empreendedorismo (CNIE/Cofen), Gabriela de Oliveira e Lucielena Maria de Sousa.

Sócia de empresa especializada em tratamento de feridas, Gabriela de Oliveira destaca os principais pontos de atenção necessários para iniciar seu próprio negócio. “A atuação em consultórios exige formação contínua, além do desenvolvimento de habilidades como administração, gestão, comunicação, marketing e vendas. Essas habilidades podem ser adquiridas com estudo, compartilhamento de informações e troca de conhecimentos entre colegas, o CBCENF é o local ideal para proporcionar essa troca”, afirma.

[3]

Funcionamento das clínicas de Enfermagem é regulamentado pela Resolução Cofen 568/2018

O curso abordou, ainda, a necessidade do conhecimento técnico que o enfermeiro precisa para abrir, registrar e manter um consultório regulamentado. Lucielena atua em consultório de Enfermagem com atendimento focado em Saúde mental desde 2019, em Minas Gerais. A enfermeira explica que o consultório é uma opção de empreendimento fora das instituições, que pode oferecer flexibilidade e boa remuneração ao profissional. Para quem planeja iniciar seus atendimentos em consultório ela sugere a busca de “coworkings” de saúde, espaço que é compartilhado com outros profissionais, que pode ajudar na diminuição de gastos iniciais.

Lucielena abordou as regras, resoluções e requisitos básicos que todo consultório de Enfermagem deve ter para conseguir alvará de funcionamento pela Vigilância Sanitária, desde sua estrutura física com no mínimo 7,5 metros quadrados até Programa de Gerenciamento de Resíduos Sólidos em Saúde e Certidão de Responsabilidade Técnica. A enfermeira reforçou a importância da atuação do sistema Cofen/ Conselhos Regionais na criação e fiscalização das ações da profissão através de resoluções  de estruturação dos consultórios de Enfermagem. “Através dessas medidas o Cofen garante que a atuação dos consultórios esteja protegida e bem estruturada”, disse.