21/09/2018

Seminário Administrativo do Coren-PR discute o tema responsabilidade

O secretário de Controle Externo do TCU/PR explanou sobre a atuação do órgão para o aprimoramento das ações dos Conselhos Regionais de Enfermagem

O secretário de Controle Externo do TCU/PR, João Manoel Dionísio, em sua palestra durante o Seminário Administrativo do Coren-PR

A palestra foi do secretário de Controle Externo do Tribunal de Contas da União no estado do Paraná, João Manoel Dionísio, que explanou sobre a atuação do órgão para o aprimoramento das ações dos Conselhos Regionais de Enfermagem.

Na abertura do Seminário Administrativo 2018, promovido para os 54 empregados do Coren-PR, a presidente da autarquia, Simone Peruzzo, destacou a relevância das informações e orientações vindas diretamente TCU – órgão responsável pela fiscalização contábil, financeira, orçamentária e patrimonial da União e das entidades da administração direta e indireta. “Esta gestão do Coren-PR segue fielmente as recomendações do TCU, e é fundamental que todos os empregados conheçam as regras legais do serviço público”, disse a presidente.

O secretário do TCU-PR explicou que a divulgação dos atos e operações é a principal forma de mostrar e comprovar a transparência da gestão. “Neste quesito, o Coren-PR está cumprindo as normas, com Portal da Transparência atualizado, criação de Ouvidoria e Controladoria e publicação de Relatório de Gestão”.

Segundo João Manoel, os empregados de órgãos vinculados à administração federal devem ter consciência de seus compromissos profissionais: “Hoje, diante de um questionamento, as respostas do tipo – “eu não li ou eu não sabia”, não são mais aceitas pelas auditorias. É preciso saber que cada um tem responsabilidades no seu trabalho e que responde pelo que faz”, afirmou. Ele ainda ressaltou que a responsabilidade primária por combater a fraude, a corrupção e a má gestão pertence a organização pública

Controle Preventivo – O representante do TCU comentou também que o planejamento é imprescindível para a boa governança. “Além de toda a comprovação em relatórios e portal de transparência as empresas e órgãos públicos devem planejar suas ações e estabelecer objetivos para evitar os riscos.

Atividades – Durante três dias (19, 20 e 21/9) o Seminário Administrativo 2018 apresentou atividades e informações de todos os setores como: reorganização dos trâmites da secretaria de processos éticos, padronização dos procedimentos de registro e cadastro, balanço do atendimento descentralizado, política da segurança da informação e manual de acesso à informação, plano de gestão de riscos e implantação do e-Social.

Motivacional – A atividade motivacional apresentada durante o Seminário também foi direcionada no sentido de incentivar e promover valores fundamentais para o bom relacionamento e troca de experiências.

A presidente Simone Peruzzo afirmou que a realização do evento faz parte dos objetivos da gestão: “Queremos que os empregados se empoderem das informações e nos auxiliem com propostas para o aprimoramento das ações e serviços do Coren-PR”.

Fonte: Coren-PR