30/06/2022

12º SEMAD tem manhã dedicada à capacitação sobre sistemas eSocial e SEI

Plataformas representam um avanço na otimização de processos, além de garantirem maior segurança e economia de recursos

Palestra sobre eSocial abriu terceiro dia do 12º SEMAD

A manhã do último dia do 12º Seminário Administrativo do Sistema Cofen/Conselhos Regionais (SEMAD) foi dedicada à capacitação sobre o uso correto das plataformas eSocial e SEI. Os sistemas representam um avanço na otimização de processos, além de garantirem maior segurança e economia de recursos. 

O eSocial unificou a entrega de diversas obrigações da área trabalhista. A implementação da ferramenta está sendo implementada de forma gradativa, através de um cronograma de uso. O tema foi discutido na palestra “Sistema Simplificado de Escrituração Digital das Obrigações Previdenciárias, Trabalhistas e Fiscais – eSocial na Prática”, apresentada por Ronaldo Freire, chefe da Divisão de Gestão de Pessoas, e Raphaela Guimarães, chefe do Setor de Folha de Pagamentos, ambos do Conselho Federal.

“O sistema já é uma realidade. O Cofen está preocupado com a implementação do eSocial e tem investido na capacitação do programa desde o seu lançamento. Somente no último ano, foram atendidos 223 chamados dos regionais sobre dúvidas com o manuseio da plataforma”, afirmou Ronaldo Freire.

Raphaela Guimarães detalhou todas o fluxograma e as fases do eSocial. “A plataforma pode assustar em um primeiro momento, mas a verdade é que ela chegou para consolidar informações e facilitar os processos daqueles que trabalham com recursos humanos”, destacou.

Denise Prado, chefe do Centro de Documentação e Memória, explicou benefícios do SEI

Em seguida, os participantes do seminário acompanharam a palestra “Implantação Conjunta do Sistema Eletrônico de Informação – SEI, Uma Realidade ao Alcance de Todos”, comandada pelos chefes de departamento do Cofen Denise Prado (Centro de Documentação e Memória) e Felipe Cruz (Setor de Infraestrutura do TI), além da arquivista Kássia Costa.

O SEI, aos poucos, substituirá a produção e a tramitação de documentos e processos em papel, garantindo segurança e celeridade. “O Sistema Eletrônico está ao alcance de todos. Em breve, divulgaremos um Manual do Usuário para adoção da ferramenta por todos os regionais”, informou Denise.

SEI vai garantir maior segurança e celeridade

“O sistema não deve ser visto como um problema, mas sim como solução. Após a implementação total do SEI no Cofen, estaremos prontos para compartilhar nossa experiência com todos os conselhos”, revelou Kássia. 

Felipe Cruz detalhou a infraestrutura tecnológica provida pelo Cofen e que garante a plena utilização do SEI pelos conselhos. “Para utilização da ferramenta, os regionais necessitam de requisitos simples, como conexão de internet, equipamentos de acesso e contas de e-mail”, evidenciou.

O acesso à plataforma ocorre de forma 100% online, através de qualquer meio móvel de comunicação, como celulares, tablets e computadores. Entre as facilidades, está a utilização de assinatura eletrônica, inclusive assinatura em blocos com diversos documentos. “Os resultados são extremamente positivos pois asseguram celeridade e segurança. Esperamos que todos do Sistema Cofen/Conselhos Regionais estejam dispostos a aderir a utilização do SEI no seu processo de trabalho”, explicou Heloisa Helena, mediadora da palestra. 

 

Fonte: Ascom - Cofen