29/11/2019

Cofen apoia 1º Congresso Internacional de História da Enfermagem

Realizado em Ribeirão Preto, de 28 a 30/11, o evento tem participação de diversas autoridades da área

Cofen apoia ICoHNE, realizado em Ribeirão Preto

Uma emocionante entrada de bandeiras conduzidas por estudantes de Enfermagem de diversos estados brasileiros abriu o I International Congress on the History of Nursing Education (ICoHNE), nesta sexta-feira (29). Elas vestiam roupas de diversos períodos, com o objetivo de destacar a trajetória histórica da Enfermagem. O signo da profissão, representado por uma lâmpada, também foi conduzido até a mesa de abertura.

O Conselho Federal de Enfermagem (Cofen) é um dos apoiadores do evento e teve como representante na cerimônia a enfermeira colaboradora Fátima Sampaio, que ressaltou sua felicidade em ver tantos jovens, por saber que a história da Enfermagem será contada de uma bela forma. Também lembrou da Campanha Global Nursing Now. “A partir da historia do nosso passado é que podemos projetar nosso futuro, com uma Enfermagem mais valorizada. Todos podem ajudar a profissão a se tornar reconhecida e respeitada”, afirmou.

A presidente executiva do evento, 1ª Vice-Presidente da Academia Brasileira de História da Enfermagem – ABRADHENF, A professora Luciana Luchesi agradeceu todos os apoiadores e destacou a importância da área para formação e incentivo dos estudantes, ajudando até na retenção do aluno no curso.

Estudantes vestiram roupas de diversos períodos, com o objetivo de destacar a trajetória histórica da Enfermagem

Além do congresso principal, a Universidade de São Paulo/Ribeirão Preto, por meio da Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto sediam também o 5th Colloquium of the Brazilian Academy of Nursing History (ABRADHENF) e o 2nd Symposium of the Laboratory for Nursing History Studies (LAESHE).

Durante o dia 28/11, aconteceram os cursos pré-congresso sobre pesquisa em história da Enfermagem e a cerimônia de investidura e posse da professora Almerinda Moreira como Acadêmica da ABRADHENF.

Até dia 30 de novembro o evento oferece atividades com palestrantes de 12 estados do Brasil e cinco países: Portugal, Espanha, Canadá, Estados Unidos da América e Chile. Assim como apresentação de trabalhos, cursos, reuniões, dentre outras atividades. O ano de 2020 tem ainda mais comemorações com os 200 anos do nascimento de Florence Nightingale e os 130 anos da Enfermagem Brasileira.

Também estiveram na cerimônia de abertura a diretora da Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto da USP, Maria Helena Palucci; a presidente e acadêmica da ABRADHENF, Almerinda Moreira; a primeira acadêmica da ABRADHENF, Taka Oguisso; vice-presidente executivo do evento, diretor de divulgação da ABRADHENF, Fernando Porto; diretora do Centro Colaborador da OPAS/OMS para o Desenvolvimento da Pesquisa em Enfermagem, da Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto –USP, Carla Aparecida Ventura; entre outras representações.

Fonte: Ascom-Cofen