20/04/2022

Cofen apoiará mestrados profissionais em Práticas Avançadas de Enfermagem

Conselho reafirma compromisso de apoio a IES que tiverem programas aprovados no edital Capes/MEC

O Conselho Federal de Enfermagem (Cofen), em expectativa solidária junto às universidades que aguardavam, desde 2019, o chamamento público da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior do Ministério da Educação (Capes/MEC), reafirma seu compromisso com as instituições de ensino superior que tiverem propostas aprovada pela área de Enfermagem no edital APCN-2021, de apresentação de proposta de novos cursos.

Conforme noticiado pelo Portal Cofen em 2021, após reunião com diretores da Capes, quando propôs inserir propostas de Mestrado Profissional em Práticas Avançadas de Enfermagem (EPA) entre as linhas financiadas pelo acordo de cooperação Cofen/Capes, o Cofen reforça seu compromisso de apoio às IES.

Desde 2015 o Cofen tem participado de reuniões com a Organização Pan Americana de Saúde (OPAS), que apoia as práticas avançadas de Enfermagem como instrumento para a universalização e aumento da resolutividade da atenção em rede. Para conferir institucionalidade a esse compromisso, constituiu Grupo de Trabalho sobre PAE com finalidade de promover reflexões, estudos e debates sobre essa estratégia que além de ampliar o escopo de atuação do enfermeiro, amplia o acesso de usuários ao SUS.

Segundo o Conselho Internacional de Enfermeiros (CIE), a Prática Avançada de Enfermagem “pressupõe que os enfermeiros incluam na sua formação conhecimento especializado, habilidades e competências para a tomada de decisão em situações complexas em diversos cenários de prática”. Países que já têm instituído a EPA apresentam ainda, bons resultados relativos aos custos do sistema de saúde e redução do consumo de medicamentos por usuários assistidos por enfermeiras com formação em práticas avançadas. Diversas práticas avançadas de Enfermagem já são uma realidade do SUS, sendo necessário mapeá-las e qualifica-las para alcançar o impacto desejado na assistência.

 

 

 

Fonte: Ascom - Cofen