17/09/2019

Cofen e Coren-SP repudiam violência praticada por paciente contra enfermeira

A agressão aconteceu em São Carlos; o Coren-SP oferecerá todo o suporte à profissional

O Conselho Federal de Enfermagem (Cofen) e o Conselho Regional de São Paulo (Coren-SP) consideram grave a violência praticada por uma paciente contra enfermeira da UPA do Cidade Aracy, em São Carlos. É inaceitável que os profissionais que estão na linha de frente do atendimento sofram qualquer tipo de agressão ou ameaça. Essa situação impacta na saúde e na segurança dos profissionais e, também, na assistência prestada aos cidadãos.

Sondagem realizada pelo Coren-SP em 2018 mostra que mais de 80% da categoria já sofreu violência, provocando altas taxas de presenteísmo e absenteísmo em virtude do adoecimento. O Coren-SP oferecerá todo o suporte à profissional, orientará sobre o Desgravo Público e a fiscalização acompanhará as condições de dimensionamento nas UPAs do município. Para desagravo público acesse o site.

Fonte: Coren-SP (editada)