03/05/2022

Cofen realiza evento sobre inovações em Enfermagem e Saúde Mental

Em formato híbrido, encontro é promovido pela Comissão Nacional de Saúde Mental (Conaesm), em 1º e 2 de junho

Comissão Nacional de Saúde Mental (Conaesm)

Acontece nos dias 1º e 2 de junho o encontro híbrido: Enfermagem Solidária inovando a atuação da Enfermagem na Saúde Mental do século XXI. O evento é promovido pela Comissão Nacional de Saúde Mental do Conselho Federal de Enfermagem (Cofen), e é um desdobramento do programa Enfermagem Solidária, que ofereceu escuta qualificada de enfermeiros especialistas em Saúde Mental aos profissionais na linha de frente do combate à pandemia.

Voltado para profissionais de todas as áreas e da Enfermagem, interessados em saúde mental, o encontro inclui debates científicos, palestras e apresentação de inovações, com foco nas experiências dos especialistas voluntários que participam do Programa Enfermagem Solidária. O evento vai acontecer no Auditório do Conselho Federal de Enfermagem, na sede do Cofen, em Brasília, mas poderá ser acompanhado de todo o Brasil. As inscrições são gratuitas e se iniciam na quinta-feira (5/5), por meio do link.

De acordo com a coordenadora da Conaesm, Dorisdaia Humerez, o evento será uma oportunidade de discutir e mostrar inovações no tratamento da saúde mental, envolvendo temas prioritários na área. “Nosso programa Enfermagem Solidária, que iniciou na pandemia, viu a necessidade de continuação. E esse encontro é fruto disso. Além de trazermos as inovações nos tratamentos e temas ligados à saúde mental, também mantemos a discussão da necessidade de não haver retrocesso no tratamento, promovendo possibilidades de ganho, interação e inserção social aos pacientes”, explica Dorisdaia.

A programação inclui palestras, sessões de debates científicos e exposição de usuários dos serviços de Saúde Mental. Serão realizados debates sobre desafios e inovações nas políticas públicas em saúde mental, protagonismo do enfermeiro de saúde mental da pessoa com transtorno de espectro autista (TEA), aplicação do quality rights no processo de cuidar da enfermagem, depressão e suicídio/milhões de enlutados no país pela pandemia, formação na enfermagem psiquiátrica e saúde mental para o trabalho, ações de apoio no cuidado à pessoa em sofrimento mental, questões de gênero, etnia, racismo e sexualidade na enfermagem, entre outros temas.

 

Veja a programação completa:

Fonte: Ascom - Cofen