18/07/2019

Comissão elabora minuta de resolução sobre Atendimento Pré-Hospitalar

Comissão Nacional de Urgência e Emergência pretende que a atuação dos profissionais de Enfermagem na área seja normatizada por lei

Encontro ocorreu na última terça-feira (16), na sede do Cofen

A Comissão Nacional de Urgência e Emergência do Conselho Federal de Enfermagem (Cofen) se reuniu, nesta terça-feira (16), com especialistas da área com o objetivo de debater e juntar sugestões para elaborar uma minuta de resolução que normatize a atuação dos profissionais de Enfermagem na modalidade de Atendimento Pré-Hospitalar (APH).

O coordenador da comissão, conselheiro federal Luciano Silva, afirma que a reunião foi bastante produtiva, na qual os profissionais de Enfermagem e especialistas presentes puderam apontar várias sugestões em relação à resolução. “Concluímos com um documento que representa a realidade do APH brasileiro e que vai servir como instrumento para que os profissionais que estão na ponta dos serviços, realizando o atendimento pré-hospitalar na Assistência, Gestão, Educação e apoio à Regulação, possam contar com mais uma normativa que respalde e proporcione segurança ao seu trabalho”, pontuou.

Luciano Silva é coordenador da Comissão de Urgência e Emergência do Cofen

A comissão abordou, ainda, o atendimento que esses profissionais oferecerão à sociedade. “A população que será atendida por esses enfermeiros será a grande beneficiada, com um acesso mais oportuno, qualificado, proporcionado por um avanço nas práticas de Enfermagem a serem desenvolvidas por esses profissionais nas cenas de incidentes, a partir da expansão das práticas propostas com a nova resolução”, disse o coordenador.

A reunião também levantou a discussão sobre o conceito da Enfermagem nas práticas avançadas e os procedimentos avançados que esses profissionais podem realizar no APH.

A minuta de resolução produzida pelo grupo já passou por consulta pública e será debatida no plenário do Cofen antes de ser publicada.

Fonte: Ascom - Cofen