17/10/2016

Cofen institui Comissão para reformulação do Código de Ética de Enfermagem

A reformulação será submetida à consulta pública por 30 dias, para que a comunidade de enfermagem possa participar

Comissão reunida na sede do Cofen, em Brasília

A comissão para reformulação do Código de Ética dos profissionais de Enfermagem, instituída em agosto deste ano, teve seu primeiro encontro nesta segunda-feira (17/10), na sede do Cofen em Brasília, para definição do cronograma de execução de atividades, metodologia do trabalho e elaboração do instrumento de validação.

O objetivo do grupo é elaborar uma minuta de reformulação no código vigente, incluindo ampla participação de todos os Conselhos Regionais, que terão prazo para fazerem sugestões e alterações no texto. Ao final desse período, o tema será submetido à consulta pública no site do Cofen por 30 dias, para que a comunidade de enfermagem possa enviar suas manifestações.

Após a compilação, pela comissão, de todo o conteúdo recebido, deve ser realizada, ainda no primeiro semestre de 2017, a 1ª Conferência de Ética Profissional de Enfermagem, a ser aprovada pelo plenário do Cofen. O evento pretende envolver os regionais e as categorias de Enfermagem, a fim de promover uma interação e troca de conhecimentos que possam enriquecer o documento substitutivo do código de ética vigente.

Viviane Vasconcelos (Coren-CE); Jebson Medeiros (Cofen), Maria Eliane Freire (Coren-PB ); e Joseilze de Andrade (Coren-SE), integrantes da Comissão do Código de Ética de Enfermagem

“Tal processo de reformulação agrega transparência e participação ativa do público envolvido com a profissão da Enfermagem, além de tornar o documento mais claro e objetivo para os usuários”, afirma Jebson Medeiros.

Os Conselhos Regionais de Enfermagem poderão criar suas próprias comissões estaduais, envolvendo gestores e a comunidade de Enfermagem local, para que seja criada uma primeira linha de debate regional, aproximando as particularidades de cada região.

Membros da Comissão:

Jebson Medeiros de Souza (Conselheiro Federal Coordenador-Cofen);

Cleide Mazuela Canavezi (Cofen);

Viviane Mamede Vasconcelos (Coren-CE);

Maria Eliane Moreira Freire (Coren-PB );

Joseilze Santos de Andrade (Coren-SE); e

Mauro Antônio Pires Dias da Silva (Coren-SP).

Fonte: Ascom - Cofen