03/12/2019

Ministério da Saúde abre consulta pública sobre artrite reumatoide

Conitec avalia incorporação do medicamento baricitinibe ao SUS; população pode enviar contribuições até o dia 23 de dezembro
A incorporação do medicamento baricitinibe está em avaliação pela Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias e Inovações no Sistema Único de Saúde (Conitec). O medicamento é indicado para o tratamento de pacientes com artrite reumatoide ativa, moderada a grave, com resposta insuficiente ou intolerância a um ou mais medicamentos modificadores do curso da doença não biológicos e biológicos.

O tema está em consulta pública para que pacientes, familiares, especialistas, profissionais de saúde e demais envolvidos possam enviar suas contribuições.

A  artrite  reumatoide  é  uma  doença  inflamatória  crônica  e  autoimune, caracterizada pela inflamação das articulações, principalmente das mãos e dos pés. A prevalência mundial, e também no Brasil, está entre 0,3% e 1% da população, com maior frequência em mulheres – acomete duas vezes mais mulheres do que homens. Os pacientes apresentam dor, inchaço, dificuldade em realizar movimentos, fadiga, e ainda há maior risco de desenvolver doenças cardiovasculares. O diagnóstico é realizado por meio de exames clínicos  e complementares.

Baricitinibe – A Comissão avaliou as evidências científicas e, preliminarmente, recomendou a não incorporação do medicamento, por não haver superioridade clínica ou econômica em comparação aos medicamentos já disponíveis no SUS. Saiba mais sobre o assunto, veja o Relatório Técnico.

Participação – Para participar, com experiências ou opiniões, acesse aqui; com contribuições técnico-científicas, acesse aqui.

Fonte: Conitec - MS