16/12/2021

Conselho Nacional de Saúde elege presidente e mesa diretora

Mulheres são maioria na nova diretoria do CNS; Fernando Pigatto foi reconduzido à presidência

Nova mesa diretora do CNS elegeu 5 mulheres

O Conselho Nacional de Saúde (CNS), instância máxima de controle social do SUS, elegeu nesta quinta-feira (15/12) a mesa diretora para o período 2021-2024. Cinco dos oito integrantes da mesa diretora são mulheres.

“É uma grande conquista, muito representativa essa presença feminina na mesa diretora do CNS. Parabenizo especialmente a enfermeira Francisca Valda, que vai compor a mesa. Sigamos juntas em defesa da Enfermagem e do SUS”, afirmou a representante do Cofen no CNS, a enfermeira Edna Mota, reeleita neste ano.

O Cofen e o CNS compartilham, historicamente, bandeiras como a defesa da atuação multiprofissional, formação presencial e de qualidade, humanização do parto, investimentos no SUS e seus profissionais. Reeleito hoje (15/12), o presidente Fernando Pigatto participou, no Dia Mundial da Saúde, do Ato Valorizar a Enfermagem é Valorizar o SUS, que cobrou a aprovação do piso nacional da categoria.

Francisca Valda é a representante da enfermagem na mesa diretora do CNS

O CNS é composto por 50% de movimentos sociais de usuários do SUS, 25% de representantes de profissionais de Saúde e comunidade científica, 25% de representantes de gestores governamentais, dos prestadores de serviço e entidades empresariais da Saúde. Confira a composição da nova diretoria:

Diretoria do CNS

Presidente: Fernando Pigatto

Mesa diretora:
Ana Lúcia Silva Marçal Padduelo (usuários)
Maria da Conceição Silva (usuários)
Madalena Margarida da Silva Teixeira (usuários)
Fernanda Lou Sans Magano (profissionais)
Francisca Valda da Silva (profissionais)
Jurandi Frutuoso Silva (gestores)
Neílton Araújo de Oliveira (gestores)

Fonte: Ascom - Cofen