05/06/2023

Enfermagem marca presença na 111ª Conferência Internacional do Trabalho

Enfermagem marca presença no evento dentro de um contexto em que o mundo luta para superar os efeitos da pandemia

CIT teve início esta semana e vai até dia 16 de junho

A Enfermagem esteve presente, nesta segunda-feira (5/6), na abertura da 111ª Conferência Internacional do Trabalho (CIT) no Palácio das Nações Unidas em Genebra, na Suíça. Quem integra a delegação brasileira e representou a categoria na Organização Internacional do Trabalho (OIT) foi o presidente da Comissão Nacional de Auxiliares e Técnicos de Enfermagem Jefferson Caproni.

A CIT teve início nesta semana e vai até o dia 16 de junho. A Enfermagem marca presença no evento dentro de um contexto em que o mundo luta para superar os efeitos da pandemia de covid-19 e para melhorar as condições de saúde de maneira ampla e abrangente, apostando na prevenção das condições que favorecem patologias laborais.

“É uma honra representar a categoria da Enfermagem neste importante ambiente de debates. Esperamos trazer nossos pontos de vista enquanto profissionais técnicos da saúde para contribuir com nossa experiência do cuidado na busca por inovações nas normas laborais”, declarou Caproni.

As instabilidades políticas, sociais e econômicas em nível mundial pautam as conversas no encontro da OIT. Além da pandemia e da crise climática, são preocupações os movimentos migratórios e as desigualdades regionais na geração de oportunidades laborais. A Enfermagem do Brasil tem marcado presença nestes encontros internacionais.

Delegados e delegadas de governos, empregadores e trabalhadores de todos os 187 Estados membros da OIT abordarão uma ampla gama de questões, que incluem a transição justa para economias sustentáveis e inclusivas, aprendizagem de qualidade e proteção trabalhista. Nos dias 14 e 15 de junho, será realizada uma Cúpula Mundial do Trabalho de alto nível sobre o tema justiça social para todas as pessoas.

Fonte: Ascom - Cofen